terça-feira, 7 de julho de 2009

Casamento histórico(1)

Diana Spencer e Príncipe Charles (29 de julho de 1981) - Era a materialização de um conto de fadas, com o príncipe e a plebéia se casando. Charles, de 33 anos, herdeiro do trono da Inglaterra, selava sua união com Diana, uma jovem de 20 anos, professora de enfermagem. Na igreja, 2.500 convidados assistiram à entrada triunfal da noiva na catedral de Saint Paul. Nas ruas, 500 mil súditos observavam a passagem da carruagem com os noivos. Além de luxuosa, a boda foi um grande evento televisivo: mais de 750 milhões de espectadores em mais de 58 países acompanharam o momento no qual os noivos disseram o sim. A aliança era uma safira de 18 quilates rodeada por diamantes. O vestido de tafetá marfim, desenhado por David e Elizabeth Emanuel, tinha um véu de quase oito metros de comprimento. O casamento marcou a passagem de Lady Di para o posto de uma das personagens mais reverenciadas pela população inglesa e globalmente admirada pelo público. A lua-de-mel do casal foi em Hampshire, no interior da Inglaterra, e no Mediterrâneo, a bordo do iate da família real, o Britannia.

Diana Spencer e Príncipe Charles (29 de julho de 1981) - Era a materialização de um conto de fadas, com o príncipe e a plebéia se casando. Charles, de 33 anos, herdeiro do trono da Inglaterra, selava sua união com Diana, uma jovem de 20 anos, professora de enfermagem. Na igreja, 2.500 convidados assistiram à entrada triunfal da noiva na catedral de Saint Paul. Nas ruas, 500 mil súditos observavam a passagem da carruagem com os noivos. Além de luxuosa, a boda foi um grande evento televisivo: mais de 750 milhões de espectadores em mais de 58 países acompanharam o momento no qual os noivos disseram o sim. A aliança era uma safira de 18 quilates rodeada por diamantes. O vestido de tafetá marfim, desenhado por David e Elizabeth Emanuel, tinha um véu de quase oito metros de comprimento. O casamento marcou a passagem de Lady Di para o posto de uma das personagens mais reverenciadas pela população inglesa e globalmente admirada pelo público. A lua-de-mel do casal foi em Hampshire, no interior da Inglaterra, e no Mediterrâneo, a bordo do iate da família real, o Britannia. Magníficos, requintados e luxuosos. Faltam superlativos para descrever essas cerimônias de contos de fada que marcaram época e até hoje são referência.

Fonte: Revista Caras

2 Comments:

Prof. Adinalzir said...

Oi,Cris

Pena que esse casamento durou tão pouco, indo embora o conto de fadas e os sonhos. Infelizmente para muitos é sempre assim.

Parabéns para o blog, seus textos estão excelentes! Abraços!

Cris said...

Obrigada professor, bjos